Mentoplastia – Cirurgia do Queixo

Cirurgia Facial

MENTOPLASTIA – CIRURGIA DO QUEIXO

Como o nariz, o queixo participa muito na harmonia do rosto, particularmente de perfil. No dito popular, um queixo bem quadrado representa uma pessoa determinada.

Também conhecida como mentoplastia, a Cirurgia do Queixo é um procedimento cirúrgico para remodelar o queixo utilizando-se implantes (aumento) ou o próprio osso, por intermédio de fraturas que podem avançar ou recuar o mento. Muitas vezes, o cirurgião plástico pode recomendar a cirurgia do queixo juntamente com a cirurgia do nariz, de modo a atingir proporções faciais equilibradas − isto porque o tamanho do queixo pode aumentar ou diminuir o tamanho percebido do nariz. Esta cirurgia ajuda a proporcionar equilíbrio harmonioso de suas características faciais para que se sinta melhor com a sua aparência.

mentoplastia é a cirurgia para correção de deformidades no mento ou queixo. Podem ser anomalias do crescimento, deformidades adquiridas por traumatismos ou outras doenças. A mentoplastia pode ser feita para retroposicionar, avançar, encurtar ou alongar o queixo, corrigir desvios ou alterar a forma.

Como qualquer cirurgia, a boa saúde e as expectativas do paciente são pré-requisitos. É também chave compreender todos os aspectos da cirurgia. Um perfil equilibrado pode ser conseguido introduzindo um implante ou movendo o osso para a frente para a configuração acima de um queixo receding, ou reduzindo um queixo jutting ou proeminente. O resultado pode ser uma harmonia facial maior e um aumento na auto-confiança.

Uma outra possibilidade para a melhoria com a cirurgia do queixo é o liposucção em que o tecido adicional é removido para redefinir o queixo ou pescoço. Quando há um problema no maxilar ou genesias a cirurgia do maxilar pode melhorar a estética e a função do rosto.

Atualmente dois materiais são os mais utilizados: o politetrafluoroetileno e o silicone rígido.

PERGUNTAS FREQUENTES

Existem efeitos colaterais?

Dificuldade de falar e sorrir por vários dias após a cirurgia. Se a cirurgia necessitar de suturas internas na boca, o paciente pode ser obrigado a ficar em dieta líquida por vários dias.

Como é a recuperação?

Se a cirurgia for realizada com a técnica intra-oral, podem ser necessárias suturas internas na boca, o paciente deverá ficar em dieta líquida por vários dias. O retorno ao trabalho ocorre em 1 semana e a volta a prática de atividades físicas leves em média de 2 semanas.

Há riscos? Quais?

Sim. Possível sangramento, infecção, dormência facial ou reação à anestesia. Contratura capsular no qual a cicatriz pode ficar endurecida. O implante também pode sair do lugar ou migrar para sair da pele, exigindo uma segunda cirurgia.

Que resultados posso esperar?

O resultado fará grande diferença na qualidade de vida, na capacidade de respirar, de comer e de falar. No entanto, procedimentos secundários podem ser necessários por razões funcionais ou de aperfeiçoamento. Mesmo que as cicatrizes de reparo do lábio leporino sejam geralmente localizadas dentro dos contornos normais do rosto, será sempre visível.

Que técnica será utilizada?

Alguns implantes de queixo são inseridos pela parte de dentro do lábio inferior (incisão intra-oral) para evitar cicatriz no rosto. Aumento de queixo é normalmente feito em conjunto com lipoaspiração para remover gordura de baixo do queixo e pescoço.

Há necessidade de internação?

O procedimento será realizado em local seguro e confortável para o médico e o paciente, em centro cirúrgico autorizado pela Vigilância Sanitária, com equipamentos e equipe treinada para qualquer intercorrência. Raramente o procedimento requer internação hospitalar.

Tem anestesia?

É realizada sob anestesia local com sedação e dependendo do caso, anestesia geral.

Quer realizar seu sonho?

AGENDE UMA CONSULTA


Observação: Este formulário é APENAS uma solicitação. A CONFIRMAÇÃO da sua consulta será feita por telefone ou email.